09 abril, 2014

— o livro tá amassado, que dó. será que já mandaram assim por ser de promoção?

— deixa ele em cima da tábua, filha. amanhã eu coloco um pano bem fininho em cima e passo ele com o ferro quente, vai desamassar.

04 abril, 2014

como o movimento cíclico de uma mandala sem luz

todo o problema reside nas finas peles de ponta solta que teimam em rodear minhas unhas

eu dizia ser necessário um espaço possível
um tempo de fala – aquilo dos verbos – verbalizar

- ouvir nisso algum eu
- por que descem os ombros
- quanto ainda se estende o corpo ao estímulo
- a quem se confia o sexo

ontem na janela do trem havia uma pequena mariposa branca
e quando pensei em tocá-la com os dedos (esmalte comido)
era hora de descer

a falta do tempo-cuidado se remedia com um alicate de corte rápido